Voltar à janela anterior
Legislatura de 1977/1982


Antônio Machado da Cunha (Presidente 1973/1974)
Milton Damasceno (Vice-presidente)
Lúcio Antônio Thomé
Antônio José Neto
João Mateus do Nascimento
Sebastião Miranda de Rezende
Afonso Gomes
José Pereira Mafra
Juscelino Anselmo Ribeiro
José Soares Valente
Sebastião Teodoro dos Reis
João Correa Filho
Altair Renato Ferreira
Geraldo Rodrigues Campos
José Garcia de Andrade
Jovino Guzela de Abreu

Em 31 de janeiro de 1977, a ARENA 1, com o candidato João da Costa Mafra (João do Tino) obtém 19.930 votos contra o candidato da ARENA 2, Grimaldo Barros de Paula, que obteve 15.086 votos. O candidato do MDB, Dr. Arthur Bernardes obtém 382 votos. Iniciava a 9 legislatura municipal.

Foi nessa legislatura, com a Lei n 975/77, que foi criada a bandeira e o brasão do município de Caratinga:

“A Câmara Municipal de Caratinga, decretou, e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei:

Art. 1 . Ficam criados a Bandeira e o Brasão do Município de Caratinga, com as seguintes cores e formação representativa:

Parágrafo 1 - A bandeira em seu campo terá quatro cores, obedecendo a seguinte disposição; 3 faixas, nas cores azul, vermelho e verde, tendo a centro em triângulo amarelo.

Parágrafo 2 - As cores têm as seguintes representações; verde, azul e amarelo representam as cores do Brasil e o vermelho representa o Estado de Minas Gerais.

Parágrafo 3 - A faixa superior da bandeira será o azul representando o céu, a faixa do meio será o vermelho representando o horizonte e a inferior será o verde representando a vegetação e o solo. O Triângulo central será o amarelo em homenagem ao Estado de Minas Gerais.

Art. 2 . A medida oficial da Bandeira será de: 1.90m de extensão por 1.20m de altura, sendo que o verde terá 30cms de altura por 1.90 de extensão e o vermelho 60 cms de altura por 1.90 de extensão, o azul 30cms de altura por 1.90 de extensão.

Parágrafo único - O triângulo amarelo ficará centralizado na respectiva Bandeira com 9.4 cms de extensão em sua base, também com 9.5 cms em suas dimensões de altura.

Art. 3 . O Brasão terá um escudo superior por uma heráldica portuguesa e ladeado por dois ramos de café e de milho representando a agricultura; sob o escudo, uma faixa onde se lê a data em que Caratinga foi elevada a categoria de Paróquia e Conselho Distrital, data em que se comemora o aniversário da cidade. O campo de estudos terá três figuras: uma cabeça de bovino, representando a pecuária, um livro representando as entidades educacionais e uma silhueta da Pedra Itaúna com duas palmeiras representando o aspecto topográfico. No campo da heráldica, as torres centrais e laterais representam a Indústria.

O Brasão será estampado no centro da Bandeira sobre o triângulo amarelo.”