Voltar à janela anterior
Legislatura de 1916/1918


Coronel José Antônio Ferreira Santos (Presidente)
Joaquim Monteiro de Abreu
João Gualberto Dias
Padre Raphael Paoliello
José Francisco dos Anjos
José Cristino da Silveira
José Calazans
João Marques Pereira
José da Costa Ferraz
Antônio E. Pinto
Lázaro Fernandes do Val
Pedro Calixto Batista
Antônio Saturnino Vieira

Sem apresentar surpresas, o pleito seguinte trouxe nova vitória da situação. Desta forma, em 09/01/1916, empossou-se nova Câmara do município, eleita em 01/12/1915, para o período de 1916/1918.

Sua principal realização foi, sem dúvida, a restauração da Comarca, solenemente instalada a 2 de dezembro de 1917, com grandiosos festejos populares. Foi a maior festa popular desde que foi fundado o município. Nesse dia, depois de anos de supressão da Comarca, quando o judiciário local voltou a pertencer a Manhuaçu, para desgosto dos quase 120.000 habitantes locais, ela era reinstalada com grande pompa em nossa cidade. Nesse dia ocorreram, além da posse das autoridades nomeadas para o poder judiciário, uma “passeata cívica”, inúmeros discursos e uma missa campal.

A restauração da Comarca era o maior objetivo, não só da Câmara Municipal, mas de todo o município. Em 13/10/1916, foi enviado ao Presidente do Estado, Delfim Moreira, uma representação que, dizia, entre outras coisas: